Game,Recomendação

Games – Recomendações em Destaque Julho, 2017

4 ago , 2017  

Confira a nossa lista de Games imperdíveis!

Recomendação por: Marcos Acorone
Game: Katawa Shoujo (+18)

Formato: Visual Novel
Gênero: Romance
Desenvolvedora: Four Leaf Studios
Duração: 10 – 30 horas
Link da Database: https://vndb.org/v945

Sinopse:
Nakai Hisao é um estudante de ensino médio normal, atualmente em seu último ano de ensino médio. Um dia, Hisao recebe uma carta de fontes desconhecidas no armário e aguarda no lugar escrito para o remetente. A pessoa que escreveu a carta acaba por ser sua paixão; Ao falar com ela, ele de repente colapsa. Ele acorda em uma cama de hospital, e os médicos dizem que o motivo pelo qual ele desabou é devido à arritmia, uma doença cardíaca rara que faz com que o batimento cardíaco às vezes se torne irregular. Devido a isso, seus pais o matricularam em Yamaku, uma escola para alunos com deficiência de todos os tipos.

 

 

 


Recomendação por: Alberto Felipe
Game: Higurashi no Naku Koro Ni (Higurashi When They Cry)

Tipo de jogo: Visual Novel
Ano: 2002 até 2006
Número de capítulos: 8 (história principal)
Gêneros: Mistério, Suspense, Horror, Drama, Sound Novel
Desenvolvedora: 07th expansion
Duração: + de 65 horas – MUITO longa (Question+Answer)
Adaptação para anime?: Sim. (MAL link: goo.gl/YNdb2s)
Classificação: +16 (Gore ao extremo)
Página do VNDB: https://vndb.org/v67

Compra: A steam disponibiliza do capítulo 1 ao 5. Para jogar os outros 3 restantes você terá que pegar piratão mesmo ou caçar um jeito de conseguir a versão antiga da Mangagamer.

Não apoiando a pirataria, irei disponibilizar apenas os links dos capítulos já lançados na Steam até agora. Deixarei os outros a mercê de vocês acharem ou não (sorry).

~Onikakushi~ (goo.gl/QDJbJL)
~Watanagashi~ (goo.gl/WQtAkt)
~Tatarigoroshi~ (goo.gl/vJkJVP)
~Himatsubushi~ (goo.gl/G5f475)
~Meakashi~ (goo.gl/MQrG4r)
~Tsumihoroboshi~ (TBA – 2017)
~Minagoroshi~ (TBA – ?)
~Mitsuyabashi~ (TBA – ?)
Aviso/Recomendação minha: Os capítulos da steam não possuem voz/graphics, então é altamente recomendado que você insira os patch que inserem isso no jogo, e todos são disponibilizadas pela 07th modding Link aqui.

Higurashi possui tradução parcial para o português.
Um grupo traduziu do capítulo 1 ao 4, capítulos que representam os “Question-arcs” da história.
No momento, Meakashi está sendo traduzido (o início do Answer-arc)
Site oficial do grupo aqui.

DETALHE IMPORTANTE: As traduções só funcionam na versão steam dos capítulos.
——————————————————————
~Welcome to Hinamizawa~

Estamos em Hinamizawa, uma pequena aldeia no campo. Há menos de duas mil pessoas aqui. Mas todos os anos, há um evento misterioso.

Uma série de assassinatos misteriosa.

Em um determinado dia de junho, alguém morre, e outra pessoa desaparece. A série de mortes está ligada à confusão que envolve o projeto de construção da represa. Um caso de assassinato que foi encoberto está sendo reativado. É uma conspiração? Uma coincidência? Ou talvez uma maldição?
Alguém que deveria estar lá, não está. Alguém que não deveria estar lá, está.
Alguém que estava vivo ontem à noite está morto agora. E alguém que está aqui agora não está vivo.
Então, não há como evitar a tragédia. Não há mais escolha do que desistir.
Mas não desista.
Somente você pode suportar isso.

Por favor… descubra a verdade.
———————————————————————-
Pra mim, Higurashi é uma das experiências mais divertidas que eu já tive jogando visual novels.
Cada mistério, cada conjectura, cada acontecimento… é tudo um impacto na alma.
Todos os que jogam essa novel tem o privilégio de analisarem os mistérios de todos os ângulos possíveis, e então, formarem teorias e conjecturas sobre o que acontece na história.
O que eu mais gosto é isso… como a novel te incita em pensar por conta própria, rachar a cuca pra tentar desvendar o que diabos está acontecendo, pois a dificuldade é EXTREMA.
Então, especialmente pra você, que ainda é virgem na história (e mesmo quem já viu os animes também) eu recomendo ao máximo que você tente desfrutar um pouco do universo de Higurashi no Naku Koro Ni.
Se você adora mistério (e um pouquinho de gore) esse jogo (e tudo da 07th expansion) é OBRIGATÓRIO para você.

 


Recomendação por: Bruno Gustavo Lacerda
Game:  Rewrite ( ou Rewrite+ que lançou em 2016, nele foi adicionado algumas coisas a mais)

Duração: Muito longa, mais de 50 horas.

Desenvolvedor: Key (Clannad, Angel Beats)

Gêneros: Ação, Drama, Fantasia, Romance, Comédia.

Ano de lançamento: Original em 2011 e versão Plus em 2016.

Relacionados: Rewrite Harvest festa! [fandisc] e Rewrite Side Story [histórias extras].

Mídia: Visual Novel.

Plataforma: Microsoft Windows® 10/8/7/Vista.

O jogo e para todas as idades entao nao tem sexo.

Diferenças entre Rewrite e Rewrite+: Foi adicionado vozes para todos os personagens secundários, novas CGs, sprite para a Inoue, mappie (Mapa do jogo) melhorado e novas linhas de texto.

Sinopse: A história de Rewrite se passa na cidade de Kazamatsuri, onde projetos de arborização a fez uma cidade cheias de árvores e flores bem grandes, da mesma forma que outras cidades contém grandes edifícios. Porém, apesar da maior parte da cidade aparentar ser rural, também há muitos elementos tradicionais da cidade. Mesmo com um enredo moderno, Kazamatsuri ainda passa um estranho senso de nostalgia e mistério.

É aqui que Tennouji Kotarou vive. Um simples estudante do ensino médio…com uma estranha habilidade. Aqui ele irá investigar mistérios sobrenaturais com seus amigos.

A primeira parte da história se passa na escola, consistindo de interações com os personagens e cenas comuns, e muitas vezes engraçadas, do dia a dia. A segunda parte, no entanto, é mais séria e emocional, com grandes mistérios girando em volta do enredo.”

Minha opinião: A historia e muito boa, em cada rota de cada garota e uma historia fantastica e quando voce termina todas as rotas pensando que acabou so esta começando a melhor rota do jogo, a trilha sonora e linda e perfeita para cada momento, voce simpatiza com os personagens facilmente fazendo voce entrar na historia com tudo. Eu recomendo MUITO essa visual novel maravilhosa, mais de 50 horas parece muito mas vale a pena cada segundo.

Visual Novel DataBase: Link aqui

Tradução( Rewrite esta 100% mas Rewrite+ esta em 94%) : Link aqui

Se precisar de ajuda em alguma coisa relacionada ao jogo existe um grupo que pode ajudar: Link aqui

Lucia melhor garota


Recomendação por: Lucas Gomes Da Silva Nascimento
Game: Arslan: The Warriors of Legend

Gêneros : Ação , Beat-‘Em-Up, 3D

Plataformas: PlayStation 4, PlayStation 3, Xbox One, Microsoft Windows

Data de lançamento inicial: 1 de outubro de 2015

Arslan: The Warriors of Legend é um título de ação tática baseada no épico romance, manga e anime, A Heroic Legend of Arslan.

Conta a história do jovem príncipe herdeiro de Pars, Arslan, quando é forçado a sair de seu reino quando seu pai, o rei, é traído e derrotado e seu território conquistado. Arslan e seus poucos companheiros precisam reunir um exército e lutar contra contingentes para recuperar seu trono e libertar seu reino.


 

Recomendação por: José Antonio Silvério Paes
Game: Bomberman Party Edition

Dessa vez vou apelar pra nostalgia e trazer um jogo que todos já devem ter jogado ou conhecido, não há muito a ser falado sobre esse jogo, quem já teve um PS1 ou Super Nintendo sabe o que é se divertir de verdade com um jogo, além de ter dado origem a um anime em 2002 chamado Bomberman Jetters: Link aqui

Data de lançamento inicial: 10 de dezembro de 1998
Desenvolvedor: Hudson Soft
Série: Bomberman
Plataformas: PlayStation, PlayStation Portable
Estúdios: Hudson Soft, Vatical Entertainment, Virgin Interactive
Gênero: Jogo de estratégia, labirinto


 

Recomendação por: Felipe Leonel
Game: Saya no Uta

*Produtora: Nitroplus (Steins;Gate, Chaos;Head, Phantom)
*Duração: Curta (de 2 à 10 horas)
*Classificação: +18 (Eroge)
*Gêneros: Horror, Mistério, Sobrenatural, Psicológico
*Score VNDB: 8.22
*Vndb: https://vndb.org/v97

*Disponível em português.

Sinopse: Fuminori Sakisaka teve um acidente de trânsito que matou seus pais e o deixou gravemente ferido. Após fazer uma cirurgia no cérebro para salvar sua vida, sua percepção do mundo muda: tudo o que ele enxerga tornam-se sangue, tripas e órgãos podres, aparência e vozes das pessoas se parecem com monstros, e os alimentos que normalmente o atrai ficam com gostos repugnantes.
Enquanto pensa na ideia de suicídio no hospital, Fuminori encontra uma bela garota entre as paredes cobertas de carne. Ela se apresenta como Saya, e aparentemente está procurando por seu pai. Fuminori não quer se separar de Saya, e pede-lhe para viver com ele. Ela concorda…

*Uma das VNs mais clássicas de todos os tempos, Saya no Uta é um conto psicológico macabro que envolve amor e confiança. Com uma narrativa que promete te deixar trilhado na tela, essa história horrenda de terror irá fazer com que você nunca mais enxergue o mundo da mesma forma (um tanto exagerado mas ok)

*AVISO: Essa VN é extremamente violenta e contém cenas explícitas de nudez e sexo.


Recomendação por: Lucas Bueno
Game: Tales of Zestiria

Disponível para:  PS3, PS4, PC

Gêneros: J-RPG
Sinopse: Sorey é um jovem humano que cresceu junto a serafins, seres espirituais que não são visíveis aos humanos. Sorey acredita na lenda que diz “há muito tempo, todos os humanos podiam ver os serafins” e sonha em desvendar esse mistério para criar um mundo onde pessoas e serafins podem viver em paz. Um dia, Sorey visita uma capital humana pela primeira vez. Ao se envolver em um incidente, ele retira uma espada sagrada que estava presa à uma rocha e se torna um pastor, aquele que impede que a calamidade caia sobre o mundo. Agora, ele entenderá a gravidade da sua missão.

Onde comprar PC: Link aqui

Onde comprar Ps3: Link aqui

Onde comprar Ps4: Link aqui


Recomendação por: Alberto Felipe
Game: Narcissu

Tipo de jogo: Visual Novel
Ano: 2005
Gêneros: Drama, Utsuge, Kinetic Novel
Desenvolvedora(s): Stage-nana (original ver.) e Sekai Project (US ver.)
Duração: curta (de 2 a 10 horas).
Classificação: Livre pra todas as idades.
Adaptação para anime?: Não tem.
Página do vndb: https://vndb.org/v10
Link para comprar: O jogo é totalmente de GRAÇA e pode ser baixado na steam aqui > goo.gl/GzV553

Possui tradução para vários idiomas, incluindo o português brasileiro (fan translation).
Link para o patch em pt-br > goo.gl/vXTQ1u

—————————————————-
Sinopse:
Somos introduzidos na história seguindo a visão do protagonista (anônimo) que é diagnosticado com uma doença terminal pouco depois de completar seus 20 anos.
Ele é internado em um hospital em Mito (Ibaraki) e lá, ele conhece Sakura Setsumi, uma garota um pouco mais velha que ele que também está em estado terminal.
Após ambos realizarem que não há forma pior de morrer que não seja confinado em um hospital, eles decidem tentar algo louco: fugir.

—————————————————–
Comentários:
Narcissu, de todas as formas, é incrível.

A história te entrega momentos de tristeza, tensão, receio e até mesmo medo… e tudo isso em tão poucas horas de jogo.

O mais surpreendente de tudo é que ele foi desenvolvido e elaborado totalmente por um doujin circle. Sim, é um trabalho totalmente amador se comparado a outras visual novels, mas não peca em nada.

Trilha sonora é ÓTIMA, o enredo central não é esquecido e temos um encerramento de encharcar os olhos.

Recomendo pra todo mundo que goste de visual novels, e também pra quem conhece pouco gênero, vale a pena dar uma chance.


Recomendação por: Daniel Silva
Game: Majikoi, Maji de Watashi ni Koishinasai! (Do Love Me Seriously!)

Gêneros: Comedia, Ecchi, Artes Marciais, Romance, Escola, (+18)
Duração Total.: +50 horas (caso você tente todas as rotas)
Ano: 2009
Desenvolvedor: Minato Soft.

Sinopse: A cidade Kawakami é famosa por consagrar os antigos samurais. Um espírito de luta sadio é sempre valorizado e é também um importante fator para ir bem na escola. Yamato, um aluno do segundo ano do colégio Kawakami está sempre com seus amigos. Eles se conhecem desde que eram pequenos e já fizeram muitas coisas juntos. Apesar de terem muitos outros amigos, este grupo formado por sete pessoas é inseparável, eles têm até mesmo uma base secreta onde fazem reuniões. Com o novo semestre, mais duas garotas entram para o grupo e logo após isso, as coisas começam a mudar…

Porque jogar: Porque é muito bom, velho. Não, sério, é muito divertido. É uma daquelas histórias onde cada personagem é único e divertido por si só, mas todo ouro está na forma que eles interagem. Cada rota vai ter alguma coisa mais maluca e completamente fora do normal, que pros cidadãos de Kawakami é comum ja, e pra você vai ser hilário. Invadir outra nação e lutar contra um general? Yep. Battle Royalle com o Primeiro Ministro do Japão? Porque não. Luta contra uma organização criminosa que planeja por meio do tráfico de drogas acabar com a ordem publica da cidade por nenhum outro motivo além de espalhar anarquia? Fico um pouco dark de repente mas ainda sim vale a pena porque é ultra divertido.


Recomendação por: Felipe Leonel
Game: Hanabira 3 – Mai x Reo (Sono Hanabira Ni Kuchizuke Wo – Anata To Koibito Tsunagi) +18

*Formato: Visual Novel
*Gênero: Romance, Yuri
*Desenvolvedora: Fuguriya
*Duração: 2-10 horas
*Vndb: https://vndb.org/v925

*A série conta com um total de 10 a 12 jogos e vc pode encontrar todos em Hanabira Project, nota-se que nem todos tem tradução para PT-BR

*Existe um Ova desse jogo em si, é +18 então sintam-se livres para procurar e desfrutar da obra e do amor das duas em animação.

*Sinopse: A história gira em torno de duas garotas, Reo se muda para uma nova escola e enfrenta alguns problemas, Mai ajuda Reo com seus problemas e isso acaba ascendendo uma pequena chama em Reo que começa a gostar da Mai. Em um dia Reo decide se confessar para Mai e a chama em um momento privado atrás da escola, Mai ouve a declaração e ai começa a história de amor entre Mai e Reo.


Recomendação por: Wesley Matos
Game: Momodora IV / Reverie Under the Moonlight

Produtora : Bombservice
Tipo : Indie
Gênero : MetroidVania
Tempo de Jogo : 4-5 Horas.

História : Em um mundo que foi atingido por uma forte maldição e a beira da decadência, você controla Kaho .Uma sacerdotisa de uma pequena vila distante que ficou responsável da missão de salvar o mundo , para isso ela viaja em busca de uma audiência com a rainha para pedir sua ajuda , mas , apesar de muitos jurarem que a rainha é boa , outros dizem que ela é a causa disso tudo.

Extra : O jogo apesar de ser um MetroidVania não possui níveis e você cresce ao decorrer do jogo pegando itens que aumenta vida, farmando e comprando itens que dão mais dano , buffs e etc.

Extra² : O jogo possui dois finais , um bom e um ruim.

Notas do recomendador : Apesar de ser o 4º titulo da série , Momodora Reverie Under the Moonlight é um prequel do 1º jogo (Momodora 1). Um game feito por um pequeno estúdio indie com membros de todo o mundo pela internet (sendo o principal membro do grupo um brasileiro). Acabei recentemente e creio que ele merece ser mais reconhecido junto com os grandes nomes indies.(Como UnderTale e outros)

Link do Trailer aqui


Recomendação por: Krishna Ferreira Xavier
Game: Digimon Rumble Arena

Plataforma: PS1
Nota: 8
Generos: Luta, Aventura, Anime
Ano: 2002

É um jogo de luta da série Digimon lançado no Japão em 2001 pela Bandai Games em associação com a Hudson Soft. Nos Estados Unidos foi lançado em 2002.

Jogabilidade: O jogo conta com a participação de digimons da série Digimon Adventure, Digimon Zero Two e Digimon Tamers. No começo apenas 9 personagens dos 24 disponíveis, para liberar os outros 15 é necessário completar desafios do game ou usar a opção password no menu.

 


Recomendação por: Izzy Costa
Game: Terranigma The Secrets of Ressurection

Quando alguém diz RPG e Super Nintendo com certeza os primeiros nomes que vem a sua cabeça são Chrono Trigger e Final Fantasy, eu penso em Terranigma. Terranigma é um Action RPG diferente de muitos RPGs da sua época. Eu jogava Terranigma no Super Nintendo do meu irmão, eu ficava maravilhado com os gráficos desse jogo haha. Apesar da estrema qualidade! Terranigma é um jogo bem obscuro 
A historia no inicio é muito simples e padrão de RPG antigos, mas com passar do jogo a historia vai ficando bem interessante.
—————-
Nome: Terranigma The Secrets of Ressurection
Ano: 1996
Desenvolvedor: Quintet
Plataforma: SNES ( Super Nintendo)
Gênero: Action RPG
—————-
Sinopse: Ark é um garoto travesso que vive na aldeia de Crysta, em um mundo desolado por fatos desconhecidos. Ao descobrir uma porta que emite uma misteriosa voz, é advertido pelo ancião da aldeia para não abri-la. Contrariando o aviso, Ark abre a porta. Após descer uma série de escadarias, descobre uma caixa, de onde vem a voz. Em seu interior, surge uma criatura chamada Yomi. Assim que é libertado, ocorre o congelamento de todos os cidadãos da aldeia, com exceção de Ark e do ancião, que orienta o garoto a partir além dos limites da aldeia e tentar salvar o mundo do congelamento.
—————-
Jogabilidade: Terranigma mantém uma perspectiva de visão top-down do mundo e utiliza um sistema de batalhas que permite a livre movimentação pelo cenário, bem como correr, pular, atacar ou utilizar a combinação destas três ações. Projéteis lançados em Ark podem ser bloqueados pela técnica de guarda, a qual muitas vezes é ineficiente no combate corpo-a-corpo.

Para cada inimigo derrotado, pontos de experiência são obtidos, aumentando o nível de força, defesa e sorte do personagem. Os inimigos mortos muitas vezes deixam joias que podem ser usadas para a compra de armas, armaduras, itens de cura e magia. Não existem pontos de mágica no jogo; coletando pedras conhecidas como Magirocks, o jogador pode trocá-las em lojas de mágica por anéis mágicos e medalhas de invocação, as quais fornecem poderes especiais.
—————-
Movimentos:

Standard Attack: Ark desfere uma estocada no inimigo. Basta apenas um toque no botão de ataque para obter a ação.
Rushing: Ark desfere várias estocadas no inimigo. É necessário apertar o botão de ataque por repetidas vezes.
Slicer: Ark salta e desfere uma estocada no ar. É necessário correr e, em seguida, apertar o botão de ataque.
Spinner: Ark gira no ar e executa um golpe horizontal ao cair. É necessário pular e, em seguida, apertar o botão de ataque.
Slider: Ark realiza um mergulho no ar, atacando com sua lança. Inicialmente, é necessário correr; em seguida, pular, e, na sequência, apertar o botão de ataque.
X-Guard: Ark vai cruza os braços, projetando um escudo luminoso. Basta apenas um toque no botão R.
—————-
Curiosidades: Em Terranigma, o jogador(a) viaja pelo mundo e em uma destas viagens, ele chega a uma cidade que se chama Liotto, que é nada mais nada menos que o Brasil. O local até tem o Cristo Redentor que se chama: Corcovado Hill.

 

 


Recomendação por: André Martins
Game: Highway Blossoms

Formato: Kinetic Novel (visual Novel não interativa)
Gêneros: Yuri, Romance, Aventura, Indie
Tamanho: curto (2-10 horas)
Idioma: Inglês
Sinopse:
Depois do diário de um minerador ser descoberto, pessoas de toda a nação tentam desvendar as pistas que ele contem para achar o tesouro escondido do minerador. Amber, não podia se importar menos. Viajando pelo centro oeste dos Estados Unidos no trailer que recebeu de herança, ela lamenta a morte de seu avô, completamente ignorante à caça ao tesouro que ocorre ao redor dela. Até que ela encontra Marina, uma jovem vagando pelo deserto de Novo México, e então as coisas começam a mudar.
Opinião:
Apesar da história linear e da falta de escolhas durante o jogo, essa é uma visual novel que vale a pena ser lida. A arte é decente, tem uns poucos momentos que impressionam, os personagens são profundos e carismáticos, a trilha sonora é excelente, a história é interessante e o romance tem um desenvolvimento lento e muito bem executado.
Link para a compra na steam aqui

Patch +18 aqui

(colar o arquivo adult.rpa em steamapps/common/Highway Blossoms/game/)


Recomendação por: Wesley Matos
Game: Dragon Ball Advanced Adventure

Tipo: Plataforma
Desenvolvedora: Dimps
Console : GBA (Game Boy Advanced)
Origem : Mangá > Anime > Jogo

História : A história do jogo começa no início da série quando Goku conheceu Bulma , e continua até a batalha final contra o rei Piccolo. A história apresenta 3 níveis de dificuldades : Fácil, Normal e Difícil.

Modos de jogo : -Story Mode : Onde você(jogador) passa por todos os arcos da série ”clássica” de Dragon ball com a presença de diálogos e após zerar você pode faze-la de novo com o Kurilin porém sem os diálogos, somente os níveis.

-Versus : Onde você joga contra outra pessoa ”online” (conexão entre GBA, no emulador de Celular é possível fazer isso via Bluetooth

-One-On-One Mode : Partidas contra os personagens que você desbloqueia no jogo em um modo similar a jogos de luta.

-Extra : Modo onde você pode revisitar o jogo com o Goku novamente.

Minha opinião sobre : Esse foi um dos 3 melhores jogos de Dragon Ball que eu joguei, sendo ele o 2º entre os 3. Me diverti bastante, zerei ele umas 3 vezes em épocas diferentes. Recomendo jogar em algo portátil. Pra Celular eu usei o emulador ”My boy” (O My boy ”free” não é possível jogar ”online”, isso em todos os jogos, somente a versão ”paga’).

Nota : Tem versão da Rom em pt br na internet.


Recomendação por: Fábio Santos
Lista jogos HxH

Hunter × Hunter: Ichi o Tsugomono
Plataforma : Wonder Swan
Desenvolvedor : Bandai
Versão japonesa : 1º de junho de 2000
Lançamento norte-americano : N / A
Gênero : RPG
…………………………

Hunter × Hunter: Hunter no Keifu
Plataforma : Game Boy Color
Desenvolvedor : Konami
Versão japonesa : 15 de junho de 2000
Lançamento norte-americano : N / A
Gênero : Estratégia
…………………………

Hunter × Hunter: Maraboroshi no Greed Island
Plataforma : PlayStation
Desenvolvedor : Konami
Versão japonesa : 26 de outubro de 2000
Lançamento norte-americano : N / A
Gênero : RPG
Não achei no freeroms que é o site que eu uso a anos, então não vou passar de um site que não conheço, mas procurem ai e olhem por si mesmo se confiam ou não no sites.

Hunter × Hunter: Kindan no Hihou
Plataforma : Game Boy Color
Desenvolvedor : Konami
Versão japonesa : 12 de abril de 2001
Lançamento norte-americano : N / A
Gênero : Aventura
…………………………

Hunter × Hunter: Sorezore no Ketsui
Plataforma : Wonder Swan Color
Desenvolvedor : Bandai
Versão japonesa : 26 de abril de 2001
Lançamento norte-americano : N / A
Gênero : RPG
…………………………

Hunter × Hunter: Michibi Kareshi Mono
Plataforma : Wonder Swan Color
Desenvolvedor : Bandai
Versão japonesa : 23 de agosto de 2001
Lançamento norte-americano : N / A
Gênero : RPG
…………………………

Hunter × Hunter: Ryumyaku no Saidan
Plataforma : PlayStation 2
Desenvolvedor : Konami
Versão japonesa : 30 de agosto de 2001
Lançamento norte-americano : N / A
Gênero : Aventura
Não achei no freeroms que é o site que eu uso a anos, então não vou passar de um site que não conheço, mas procurem ai e olhem por si mesmo se confiam ou não no sites.

Hunter × Hunter: Ubawareta Aura Stone
Plataforma : PlayStation
Desenvolvedor : Bandai
Versão japonesa : 27 de setembro de 2001
Lançamento norte-americano : N / A
Gênero : RPG
Não achei no freeroms que é o site que eu uso a anos, então não vou passar de um site que não conheço, mas procurem ai e olhem por si mesmo se confiam ou não no sites.

Hunter × Hunter: Minna Tomodachi Daisakusen
Plataforma : Game Boy Advance
Desenvolvedor : Konami
Versão japonesa : 24 de março de 2003
Lançamento norte-americano : N / A
Gênero : RPG
…………………………

Hunter × Hunter: Greed Island
Plataforma : Wonder Swan Color
Desenvolvedor : Bandai
Versão japonesa : 24 de março de 2003
Lançamento norte-americano : N / A
Gênero : RPG
…………………………

Hunter × Hunter Wonder Adventure
Plataforma : PlayStation Portable
Desenvolvedor : Namco Bandai
Versão japonesa : 20 de setembro de 2012
Lançamento norte-americano : N / A
Gênero : Aventura
Personagens jogáveis : Gon Freecss , Killua Zoldyck , Kurapika , Leorio Paradinight
Sinopse: Siga Gon no mundo do jogo. A ação ultra popular mangá série Hunter x Hunter gerou duas séries de anime e incontável de OVAs. Agora os fãs podem entrar no jogo e sentir o que é preciso para ser um caçador. Entrar em brigas e derrotar alguns monstros. O sistema de conduzir a mudança dá aos jogadores acesso a dois estilos de luta de cada personagem. Então lutar com Gon durante combate de perto, e chicotear a sua vara de pesca para acertar os inimigos de longe.
…………………………

Hunter X × Hunter Battle Collection
Plataforma : iPhone4, iPhone5, iPhone5S, HTC Desire, série GALAPAGOS
Desenvolvedor : CROOZ Inc e Forecast Communications Inc
Versão japonesa : dezembro de 2012
Lançamento norte-americano : N / A
Gênero : RPG
Sinopse:O jogo é baseado em adversários de luta. O objetivo do jogo é vencer os adversários e ligar os personagens do jogador, em uma corrida para se tornar um lendário caçador de 3 estrelas. Os jogadores podem receber missões da Hunter’s Guild, que são completadas após a vitória sobre um chefe de missão. Em intervalos aleatórios, o jogador também correu em chefes de invasão, e cada oponente diferente lhes dará acesso a novos personagens e itens.

Você caça no seu celular ai xD

…………………………

Hunter × Hunter: Battle All-Stars
Sistema Operacional : iOS, Android
Desenvolvedor : Namco Bandai
Versão japonesa : 28 de abril de 2014
Lançamento norte-americano : N / A
Gênero : RPG
Sinopse: Formado uma equipa de sonho nos personagens que aparecem no mundo de “HUNTER × HUNTER”! Durante a coleta de um companheiro através de missões e olheiro, e fazendo uma variedade de missões, Aponte o título de triple Hunter!
Você caça no seu celular ai xD

…………………………

Hunter × Hunter: World Hunt
Sistema Operacional : iOS, Android
Desenvolvedor : Namco Bandai
Versão japonesa : 14 de fevereiro de 2017
Lançamento norte-americano : N / A
Gênero : RPG
Sinopse:Hunter x Hunter: World Hunt coloca o jogador em um mundo virtual onde Gon e companhia também aparecerão. É possível criar seu próprio avatar, com visual personalizado de diferentes equipamentos.O jogo também permite batalhas contra outras pessoas em tempo real, o que certamente agradará os jogadores mais competitivos.
Você caça no seu celular ai xD

…………………………

Participações de HxH

Puzzle & Dragons
Sistema Operacional : iOS, Android
Desenvolvedor : Namco Bandai
Versão japonesa : 14 de fevereiro de 2017
Lançamento norte-americano : N / A
Gênero : RPG
Sinopse: Adaptação de jogo aonde pessoas capturam monstros e os colocam para lutar contra outros monstros.
Você caça no seu celular ai xD

…………………………

Jump Super Stars
Plataforma : Nintendo DS
Desenvolvedor : Ganbarion
Versão japonesa : 8 de agosto de 2005
Lançamento norte-americano : N / A
Gênero : 2D Versus Fighting
Hunter × Hunter Caracteres reproduzíveis : Gon Freecss
Personagens de apoio : Killua , Kurapika , Leorio , Hisoka , Biscuit
Sinopse: Jump Super Stars possui personagens da revista de manga semanal Shonen Jump do Japão. O jogo possui uma jogabilidade similar a Super Smash Bros. O jogo suporta de dois a quatro jogadores no modo multiplayer e possui mais de 75 missões.
Não achei no freeroms que é o site que eu uso a anos, então não vou passar de um site que não conheço, mas procurem ai e olhem por si mesmo se confiam ou não no sites.

…………………………

Jump Ultimate Stars
Plataforma : Nintendo DS
Desenvolvedor : Ganbarion
Versão japonesa : 23 de novembro de 2006
Lançamento norte-americano : N / A
Gênero : 2D Versus Fighting
Hunter × Hunter Personagens jogáveis : Gon Freecss , Killua Zoldyck
Personagens de apoio : Kurapika , Leorio , Hisoka , Biscuit , Chrollo
Sinopse: O jogo mantém muitas características do seu predecessor, mais algumas novidades. O jogo possui, ao todo, 305 personagens de 41 diferentes séries de mangás (dentre os quais 56 são lutadores selecionáveis) publicados na revista Shonen Jump, em comparação com os 160 personagens (dos quais 34 eram lutadores selecionáveis) de 27 séries diferentes em Jump Super Stars.Jump Super Stars possui personagens da revista de manga semanal Shonen Jump do Japão. O jogo possui uma jogabilidade similar a Super Smash Bros. O jogo suporta de dois a quatro jogadores no modo multiplayer e possui mais de 75 missões.
…………………………

J-Stars Victory Vs
Plataforma : PlayStation 3 – PlayStation 4 – PlayStation Vita
J-stars-ps3
J-stars Victory VS.
Desenvolvedor : Namco Bandai
Versão japonesa : 19 de março de 2014
Lançamento norte-americano : 20 de junho de 2015
Gênero : 3D versus luta
Caráteres jogáveis: Gon Freecss e Killua Zoldyck
Suporta apenas personagens: Hisoka
Sinopse: O Jogo conta com personagens de vários mangás da Shonen Jump. Tirando os 3 personagens do “Dream 9”, todos eles foram adicionados por voto dos fãs da revista. J-Stars Victory VS pode ser jogado com 3 personagens, tanto do jogador quanto do adversário, em cenários gigantes, e mantém o traço original dos personagens dos mangás , menos Seiya de Pégaso que ficou com o traço da armadura do anime ao invés do mangá .
…………………………

Shironeko Project
Sistema Operacional : iOS, Android
Shironeko Projct – Hunter × Hunter event wordmark
Projeto Shironeko
Desenvolvedor : COLOPL, Inc.
Versão japonesa : 6 de agosto de 2015
Lançamento norte-americano : 23 de julho de 2015
Gênero : ação RPG
Hunter × Hunter personagens jogáveis : Gon Freecss , Killua Zoldyck , Kurapika , Leorio Paradinight , Hisoka , Kite , Biscuit Krueger , Isaac Netero
Sinopse: é um RPG de ação com jogo cooperativo em tempo real, juntamente com elementos de construção de cidades e gerenciamento de recursos. , Feito por COLOPL, Inc. cortar e cortar através de masmorras, recrutar e treinar uma lista diversificada de personagens para forjar um exército forte. A versão inglesa deste jogo se chama Colopl Rune Story.
Em 2016, de 15 de junho a 6 de julho, um evento de colaboração foi realizado na versão japonesa. O evento contou com 8 personagens de Hunter × Hunter (Gon, Killua, Kurapika, Leorio, Hisoka, Kite, Biscuit e Netero), e o edifício Hunter Association
Você caça no seu celular ai xD

…………………………

Reclamaram muito do Hunter × Hunter: Sorezore no Ketsui porque a intro dele é imensa e geral dropava antes dela acabar 
Ps: ” Caça no seu celular ai” é porque não tem como te passar link disso, não to sendo ignorante lul.
Se tiver ajudado alguém que tenha vontade de jogar e conhecer os jogos de HxH 😁


Recomendação por: Ygor Silva
Game: Touhou

Gêneros: Shoot ‘em up, Luta, Bullet Hell
Desenvolvedores: ZUN, TeamShangai Alice, TasogareFrontier
Ano: 1996-???
Plataformas: PC

• Sinopse: As histórias dos jogos de Touhou Project giram ao redor de estranhos fenômenos que ocorrem na terra fictícia de Gensokyo (幻想郷, Gensōkyō?, literalmente Vila da Ilusão ou Vila da Fantasia) no Japão. Há muito tempo atrás, ela era uma região assombrada por youkai que atacavam viajantes perdidos. Exorcistas foram mandados para a área para resolverem o problema com os youkai, e eles eventualmente fundaram uma pequena vila no local, para que pudessem observar os youkai mais facilmente. A civilização humana avançando em outros lugares, o poder dos youkai começou a diminuir, e estes, tanto os exorcistas quanto os próprios youkai, decidiram selar Gensokyo do resto do mundo exterior, como um paraíso para si.

• Jogabilidade: Nos jogos shmup, o poder dos projéteis do jogador aumenta numa escala linear conforme power-ups são coletados de inimigos abatidos, e eventualmente atinge seu máximo. O jogador também pode coletar itens de “ponto” para conseguir vidas extras; o número necessário cresce exponencialmente conforme o jogador vai adquirindo vidas. O jogador pode entrar em “foco”, a tecla shift por padrão, para diminuir a velocidade de movimento da personagem, tornar a caixa de colisão visível e (geralmente; o contrário acontece com algumas personagens) focar seu ataque numa área menor para torná-lo mais poderoso. O contador de grazes (“raspões” ou “arranhões”), não presente em Mountain of Faith, que registra quantas balas entraram no sprite da personagem mas não atingiram sua caixa de colisão, e recompensa o jogador com um bônus na pontuação por viver perigosamente.

• Opinião: Touhou e sem duvidas uma das melhores franquias de jogos que eu já joguei, jogava só pra treinar cordeação motora, reflexos e afins devido ao jogo proporcionar um bom desafio, mas com o tempo comecei a curti bastante a franquia, OST muito boas e diálogos bem toscos entre os personagens que chega a ser engraçado, e os personagens são bem legais tbm, touhou tbm possui uma serie de jogos fan-made (feito por fãs) e spin-offs que acabam fugindo um pouco da proposta dos jogos oficiais como Koumajou Densetsu: Akeiro no Koukyoukyoku e Koumajou Densetsu II: Stranger’s Requiem. que são baseado nos jogos da serie Castlevania, já fica ai a recomendação tbm.
Touhou tambem conta com doujinshi, mangas e algumas animações.

Lista de Jogos Oficiais. ( o resto e spin-off ou fan-made)
• Era Retro (1996~1998)
[Th01: Highly Responsive to Prayers] (1996, Action)
[Th02: The Story of Eastern Wonderland] (1997, Shooting)
[Th03: Phantasmagoria of Dimensional Dream] (1997, Versus Shooter)
[Th04: Lotus Land Story] (1998, Shooting)
[Th05: Mystic Square] (1998, Shooting)
PS: Precisa de um emulador de PC98 pra jogar

• Era Clássica (2002~2005)
[Th06: Embodiment of Scarlet Devil](2002, Shooting)
[Th07: Perfect Cherry Blossom] (2003, Shooting)
[Th07.5: Immaterial and Missing Power] (2004, Fighting)
[Th08: Imperishable Night] (2004, Shooting)
[Th09: Phantasmagoria of Flower View] (2005, Versus Shooter)
[Th09.5: Shoot the Bullet] (2005, Photography)

• Era Float Power (2007~2010)
[Th10: Mountain of Faith] (2007, Shooting)
[Th10.5: Scarlet Weather Rhapsody] (2008, Fighting)
[Th11: Subterranean Animism] (2008, Shooting)
[Th12: Undefined Fantastic Object] (2009, Shooting)
[Th12.3: Unthinkable Natural Law] (Hisoutensoku) (2009, Fighting)
[Th12.5: Double Spoiler] (2010, Photography)

• Era Hoop Life (2010~Hoje)
[Th12.8: Great Fairy Wars](2010, Shooting/Freezing)
[Th13: Ten Desires] (2011, Shooting)
[Th13.5: Hopeless Masquerade] (2013, Fighting)
[Th14: Double Dealing Character] (2013, Shooting)
[Th14.3: Impossible Spell Card] (2014, Shooting)
[Th14.5: Urban Legend in Limbo] (2015, Fighting)
[Th15: Legacy of Lunatic Kingdom] (2015, Shooting)
[Th15.5: Antinomy of Common Flowers] (2017, Fighting)
[Th16: Hidden Star in Four Seasons] (2017, ???)


Recomendação por: Otavio Cipriano
Game: Dragon Quest, Dragon Quest II, Dragon Quest III

Tipo: J-RPG
Desenvolvedora: Chunsoft, Heartbeat, TOSE
Publicadora: Enix
Plataforma: Android, SNES, NES, Wii, IOS, GBC.
Ano de publicação: DQ I 1986, DQ II 1987, DQ III 1988
Sobre os jogos:
Dragon Quest: Conhecido no ocidente como Dragon Warrior, é o primeiro jogo da série de mesmo nome. Ele foi desenvolvido pela Chunsofte e publicado pela Enix. A história inicia-se com um personagem “sem nome”(você que escolhe) descendente do Lendário Herói Loto(Roto), que derrotou o Mal no passado com o Orb of Light, séculos mais tarde o Orb é roubado pelo malfeitor DragonLord e cabe a você salvar o mundo do poder das Trevas e recuperar o Orb of Light.
Dragon Quest II: A história se passa, a muitos anos após o primeiro jogo, Dessa vez a estória centra-se no príncipe de Midenhall, que é ordenado a parar um bruxo maligno após ele ter destruído o Moonbroke Castle. Em sua aventura, ele é acompanhado por seus dois primos: o príncipe de Cannock e a princesa de Moonbrole. Este jogo expandiu grandemente a fórmula da série pois o jogador pode comandar uma equipe maior e explorar um mapa com mais áreas.
Dragon Quest III: Os três primeiros jogos da séries Dragon Quest são parte de uma mesma história, sendo Dragon Quest III cronologicamente o primeiro jogo, bem como o terceiro jogo a apresentar o herói Loto. Na história, “o Herói” possui a tarefa de salvar o mundo do demônio Baramos. Reunindo um grupo de companheiros na equipe, o Herói deve viajar pelo mundo, parando em diversas cidades e locais e encontrar o caminho para o covil do demônio Baramos. O jogo expandiu a jogabilidade não-linear e de mundo aberto de seus predecessores e introduziu recursos como um mundo persistente com seu próprio ciclo de dia-noite e um sistema de classes que foi usado posteriormente em Dragon Quest VI, VII e IX. O sistema de classes de Dragon Quest III influenciou a jogabilidade de futuros RPGs, especialmente a série Final Fantasy.
Observação:
-Muito Grinding e muitos itens invisíveis.
-Recomendo comprar na Google Play ou na Apple Store e jogar em seus telefones celulares, pois a versão para Andorid e IOS trouxe muitas melhorias.


Recomendação por: André Martins
Game: World End Economica

Formato: Kinetic Novel (visual Novel não interativa)
Gêneros: Sci-fi, Drama, Indie, Casual
Tamanho: Médio (10-30 horas)
Episódios: 3
Idiomas: Inglês, Japonês
Escritor: Isuna Hasekura (Spice and Wolf)

Sinopse:
Aproximadamente 16 anos após pessoas migrarem para a lua e se estabelecerem lá.
Uma época na qual um grande número de pessoas estão seguindo seu sonhos dentro do grande arranha-céu na fronteira da humanidade.
Um jovem garoto chamado Haru, nascido e criado na lua, é uma das pessoas que está perseguindo seu sonho.
Seu sonhe é chegar aonde nenhum homem jamais esteve.
Para isso, ele precisa de capital. Uma quantidade imensa de capital.
O garoto enfrentava um lugar que reunia os desejos das pessoas. Algumas vezes os realizando, e outras os esmagando sem piedade.
Há apenas duas regras que governam esse lugar.
A primeira regra é nunca tomar prejuízo.
A segunda regra é nunca esquecer a primeira.
Apenas aqueles que seguem essas regras são capazes de obter enormes riquezas.
O mercado de ações.
O lugar que há séculos reúne multidões de homens e mulheres persistentes.

Opinião:
Uma ótima história em uma visual novel mal produzida. Apesar da arte ser boa, a direção das imagens é ruim e há pouco variedade delas, às vezes havendo apenas um fundo preto com texto. A trilha sonora é esquecível e nem sempre se encaixa com a tonalidade da cena.
A escrita é excelente, tanto o enredo quanto os personagens são interessantes. Apesar dos pontos negativos, isso é o suficiente para eu recomendar essa novel, principalmente se você gostar de Spice and Wolf ou de outras obras desse mesmo autor.

Link para a compra do pacote com os 3 jogos na steam aqui


Recomendação por: Natan Uemura
Game: Ace Combat 3 Electrosphere (no caso a versão Japonêsa)

Gêneros: 3D Dramatic Flight-Shooting Game
Desenvolvedores: Namco
Ano: 1999
Plataformas: PlayStation 1
Nota minha: 10/10

História: Ela se passa no mundo de strangeral (o mesmo dos outros games principais da franquia, que são Air Combat, 2, 4,5, Zero, X, 7) no ano de 2040, onde os governos de USEA foram substituídos por organizações chamadas Neucom e General Resource Limited.

Porem, já faz um tempo em que ambas as facções estão em tensões entre si, por isso, fora criada a UPEO ( Universal Peace Enforcement Organization) sob a autoridade da NUN (Neo United Nations) para equilibrar as tensões entre ambas as organizações

o jogo possui 5 finais, os quais são decididos por decisões que o jogador tem que tomar durante certas missões.

As cut-scenes desse jogo são em formato de anime (feitas pela I.G Production) sendo elas divididas em cenas animadas ou vlogs que os personagens gravam por você, e quando você está em missão, aparecem fotos dos personagens falando em você

vídeo de exemplo: Link aqui

e sim, existe uma tradução em inglês do jogo feita por fãs (Project Nemo)
segue o link da tradução: Link aqui (OBS: Você vai precisar dar pach nele com o jogo em japonês)


Recomendação por: Felipe Oliveira
Game: BlazBlue: Chrono Phantasma Extend

Plataforma: PC
Nota: 9
Generos: Luta, 2D, Anime
Ano: 2016
Link steam aqui
(por mais que seja bom não sei se valeria a pena comprar pois não sei como ta o multiplayer se esta morto ou não rs.)

Ótimo jogo pra quem gosta de jogos de lutas 2d, da pra passar o tempo legal e dar surras nos abiguinhos xD.

Tradutor pq sim
BlazBlue: Chronophantasma Extend ‘é a sexta parcela da série BlazBlue, uma combinação de jogo de ação de combate 2D e novela visual. O jogo incorpora um desempenho atraente e movimentos de luta únicos com o sistema Drive Button para tirar rapidamente o adversário. Agora, os jogadores podem prender ataques super-poderosos de Guard Crush quando o Barrier Gauge do seu oponente é baixo com o sistema de Guarda reformado. Um jogador pode rapidamente virar a maré da batalha usando o mecânico exclusivo da BlazBlue – Overdrive – para aprimorar suas habilidades e habilidades. Com dois novos personagens, Celica e Λ-11-, juntando-se à lista, o jogador poderá escolher entre 28 personagens diferentes jogáveis. Além disso, um modo de história chamado “Remix Heart” foi recentemente adicionado, com dois personagens, Mai Natsume e Kajun Faycott.


Recomendação por: Renato Figueiredo
Game: Mogeko Castle

Gêneros: Terror/Rpg-Maker

Linguagem: Português

Sinopse: Começa com uma garota bem comum chamada Yonaka Kurai.
Toda dia quando ela volta para casa, é de trem que ela vai.
Hoje seria só mais um dia normal de sua rotina, porém com algo especial.
O seu querido irmão está finalmente voltando para casa.

No entanto, ao acordar no trem, este havia parado em uma estação muito estranha…

Mogeko Castle é meu jogo de rpg maker favorito, possui uma historia bizarra, mas interessante e lotada de plot twist, tem um “Spin-off” chamada mogeko castle gainden prometido faz alguns anos, porem faz tanto tempo que muita gente acha que foi cancelado…


Recomendação por: Felipe Leonel
Game: Nekopara (Volume 0, 1, 2 e 3) +18

Formato: Visual Novel
Gênero: Casual, Indie
Desenvolvedora: NEKO WORKs
Duração: 2-10 horas
Vndb: https://vndb.org/v15538
Preço na steam: 20 reais (em promoção fica 6, nota-se que se comprar na steam você vai ter que baixar o patch +18 em algum site para poder jogar com as cenas +18)

Sinopse: Kashou Minazuki, o filho de uma longa linhagem de confeiteiros japoneses, se mudou para abrir sua própria pâtisserie (um tipo de padaria francesa especializada em bolos e doces), a “La Soleil”. Mas durante a mudança, escondido entre suas coisas estavam duas das catgirls (“neko”), Chocola e Vanilla, que sua família tem criado. Quando ele tenta enviá-las de volta, elas imploram e suplicam até que ele desiste e acabam abrindo a La Soleil juntos.

*Com as duas nekos que amam MUITO ver seu mestre dando o melhor de si (e ocasionalmente falhando) – uma comédia apaixonante aberta para negócios!

Link pra comprar aqui


Recomendação por: Ulrick Leutz
Game: Atelier Sophie – The Alchemist of the Mysterious Book

Gêneros: J-RPG, Aventura, Fantasia
Desenvolvedor: KOEI TECMO GAMES CO. LTD
Ano: 2015 – 2017
Plataformas: PS3, PS4, PSVita, PC

A história se passa na pequena cidade de Kirchen Bell, um lugar com uma atmosfera morna e pacata, durante a era do alvorecer da alquimia antes de se transformar em uma arte popular. Dentro da periferia existe um ateliê de estúdio dirigido apenas por uma menina chamada Sophie, que tem um poder misterioso que lhe permite combinar itens e obter resultados únicos e diferentes. Sem um mentor ou guia de referência para ensiná-la, suas tentativas de alquimia repetidamente falham uma após a outra. Um dia, no entanto, ela se depara com um livro misterioso que se move e fala por sua própria vontade. O jogador então encarna Sophie a fim de restaurar as memórias desse livro…

Vindo da franquia Atelier com mais de 17 jogos diferentes, a aventura de Sophie é a melhor forma atualmente de apresentar a série à novos jogadores, por se tratar de um reboot, não necessitando de conhecimento sobre os outros jogos.

A ideia do jogo é bem simples: um RPG de exploração, mineração de ingredientes e combate por turnos ao estilo Final Fantasy. Mas o que mais chama atenção em Atelier, é o sistema de alquimia, que com certeza deixará os fãs da prática viciados por um bom tempo. Tudo é muito bem detalhado e divertido de fazer, com bastante variedade de ingredientes, poções, plantas e minérios que dão um leque bem grande de possibilidades. Os personagens, principalmente a Sophie, são bem carismáticos e cheios de moe pra dar e vender. O jogo no começo leva um tempo para engrenar em relação à história, demorando um pouco para ficar sério, mas que vale a pena a experiência pelo rumo que as coisas tomam no final.

Link pra comprar aqui


Recomendação por: Ygor Silva
Game: Persona

Gêneros: Role-Playing, Social Simulation
Desenvolvedores: Atlus, Arc System Works (Arena)
Ano: 1996-???
Plataformas: PlayStation
——-
• Jogos Principais
——-
– Revelations: Persona é a primeira entrada na série, foi lançado em 1996 no Japão e na América do Norte para o PlayStation. Depois um porte para o Microsoft Windows foi lançado no Japão em 1999. O jogo foi posteriormente portado para o PlayStation Portable (PSP), foi publicado em 2009 no Japão e na América do Norte como lançamentos físicos e digitais e em 2010 na Europa como versão digital. Situado na cidade de Mikage-cho, o jogo segue um grupo de alunos do ensino médio da St. Hermelin High, que são forçados a enfrentar um surto de demônios em sua cidade natal.
——-
– Persona 2: Innocent Sin é a segunda entrada da série, lançada no Japão em 1999 para o PlayStation. Após o sucesso do porte para PSP do primeiro Persona, um porte de Innocent Sin foi anunciado. Nessa versão, foram feitos ajustes para que o jogo ficasse mais como uma sequência, juntamente com recursos adicionais e um novo cenário. O porte foi lançado em 2011 em todas as regiões. Situado na cidade costeira de Sumaru, a história segue Tatsuya Suou, um estudante da Seven Sisters High, que acaba por enfrentar fenômenos gerados por rumores que alteram a realidade.
——-
– Persona 2: Eternal Punishment é a terceira entrada na série principal, lançada em 2000 no Japão e na América do Norte para o PlayStation. Como Innocent Sin, foi refeito para o PSP, e incluiu um novo cenário pelo escritor original do jogo. O remake lançado no Japão em 2012, mas não chegou ao Oeste. A versão original foi re-lançada em todo o mundo na PlayStation Network (PSN) em 2013 em resposta a isso. Breve, após o final de Innocent Sin, a história segue Maya Amano, um personagem secundaria do jogo anterior, enquanto ela enfrenta uma ameaça similar criada por rumores junto com Tatsuya.
——-
– Shin Megami Tensei: Persona 3 é a quarta entrada na série principal. Desenvolvido para PlayStation 2 (PS2), lançado em 2006 no Japão, 2007 na América do Norte e 2008 na Europa. Persona 3 FES, e um Director’s Cut com novo conteúdo e um epílogo, foi lançado em 2007 no Japão e 2008 na América do Norte e na Europa. A parte principal de FES foi posteriormente portada para o PSP como Persona 3 Portable e apresentou alguns aprimoramentos, como um personagem feminino (não canon) jogável e novos Social Links para essa personagem, e a capacidade de controlar todos os personagens na batalha, mas alguns conteúdos do jogo foram ajustados ou removido para que ele pudesse caber em um Plataforma portátil. A história ocorre na cidade de Iwatodai, seguindo um grupo de estudantes conhecidos como “SEES” que lutam contra monstros que aparecem durante um tempo conhecido como “Dark Hour”.
——-
– Shin Megami Tensei: Persona 4 é a quinta entrada da série principal, lançada para o PS2 em 2008 no Japão e América do Norte e 2009 na Europa. O sucesso do Persona 3 Portable inspirou a criação de uma versão portátil da Persona 4. Como o uso da PSP resultaria em cortar muito conteúdo, foi desenvolvido para o PlayStation Vita, que permitiu novos recursos e conteúdo. Esta versão foi intitulada Persona 4 Golden. Persona 4 ocorre na cidade rural de Inaba, onde um grupo de estudantes investiga uma série de assassinatos relacionados a um reino conhecido como o Canal da Meia-noite (Midnight Channel)
——-
– Persona 5 é a sexta entrada da série principal, lançado para o PlayStation 3 e PlayStation 4. Foi lançado em 2016 no Japão e em 2017 na América do Norte e na Europa. Persona 5 tem como cidade Tóquio e segue um grupo de alunos que adotam a forma de ladrões para combater a corrupção da cidade e libertar-se das pressões sociais impostas.
——-
• Spin-offs
– Persona 3: The Night Before
– Persona 4 Arena
– Persona 4 Arena Ultimax
– Persona 4: Dancing All Night
– Persona Ain Soph
– Persona Q: Shadow of the Labyrinth
(ha também jogos mobile, mas não vou cita-los aqui.)
——-
• Protagonistas
(usarei os nomes canônicos, já que você pode nomeá-los do jeito que quiser no jogo)

– Naoya Tōdō ( Revelations: Persona)
——-
– Arcana: The Emperor
– Data de Nascimento: c. 1979 | Idade: 17
– Personalidade: Em sua maior parte, o protagonista é silencioso, e sua personalidade é controlada pelo jogador, estabelecendo um padrão que os protagonistas dos jogos posteriores seguiriam. No entanto, você pode o imaginar como um líder natural; Uma pessoa compassiva, perspicaz, ainda contundente, que é motivada a buscar sua razão pessoal para a vida e desencoraja a se esconder da verdade.
– Persona Inicial:
Seimen Kongou (セイメンコンゴウ, Seimen Kongō)
E um Rakshasa de sabedoria hindu e uma deidade protetora em sabedoria budista japonesa. O primeiro registro de Seimen Kongou vem do Darani Jikkyou, um texto do século 7. Ele originalmente causou doenças e sofrimento, mas ele se dedicou a proteger os males que ele causou uma vez. Ele geralmente aparece como uma deidade azul com quatro braços que carrega um vajra de três pontas, um bastão, uma roda e uma corda enrolada. Os quatro objetos representam várias coisas: o Vajra representa o poder indestrutível do budismo; O bastão é uma ferramenta cerimonial; A roda representa as doutrinas de Buda; E a corda é uma arma de caça que simboliza o poder sobre o mal. Seimen Kongou começou a se misturar com o taoísmo durante o período de Kamakura, o que o fez se tornar uma divindade do culto de Koushin. O Koushin acreditava que na véspera do ano novo, antes de levar ao ano do macaco, era muito fácil ter sua vida curta. Para evitar isso, eles reuniriam pergaminhos de Seimen Kongou ou Sarutahiko para realizar uma festa. Permaneceram acordados a noite toda em frente a estátuas dos três macacos; Não vejo mal, não fale nenhum mal, não ouça nenhum mal.
——-
– Tatsuya Suou ( Persona 2: Innocent Sin)
——-
– Arcana: The Sun
– Data de Nascimento: 27/7 c.1981 | Idade: 18
– Personalidade: Ele tem uma atitude tranquila e legal que o torna popular fora da escola, bem como entre seus colegas. Ironicamente, ele é um solitário que faz o seu melhor para evitar se envolver com qualquer um. Ele mantém um isqueiro Zippo gravado em sua pessoa e, habitualmente, tira-o para abri-lo e fechar
– Persona Inicial:
Vulcanus (ヴォルカヌス, Volcanus)
Vulcanus é o deus do fogo e mata na mitologia romana. Ele também tem associações como deus da fertilidade masculina.
——-
– Maya Amano ( Persona 2: Eternal Punishment)
——-
– Arcana: The Moon
– Data de Nascimento: 04/07 c. 1976 | Idade: 23
– Personalidade: Maya Amano é uma mulher alegre e compassiva, e trabalha como repórter da revista adolescente Coolest. Maya também é conhecido por seu lema: “Vamos pensar positivo!”.Seu otimismo imparável e seu coração e uma fonte de inspiração e encorajamento.
– Persona Inicial:
Maia (マイア, Maia)
Na mitologia grega, Maia é filha de Atlas e Pleione. Ela é a mais velha, mais tímida e bela das Plêiades, as sete irmãs. Sua beleza atraiu Zeus e ela deu à luz Hermes.
——-
– Yuki Makoto ( Shin Megami Tensei: Persona 3)
——-
– Arcana: The Fool
– Data de Nascimento: ??? 1992 | Idade: 16 (17)
– Personalidade: Ele é muito estóico, reservado e calmo. Ele parece muito introvertido e distante, já que ele apenas observa as conversas de seus amigos e só fala quando alguém pergunta a ele por sua opinião sobre algo.
– Persona Inicial:
Orpheus (オルフェウス, Orufeusu)
Na mitologia grega, Orfeu era filho do rei tracio Oeagrus e da musa Calliope (algumas versões têm o pai de Orfeu como deus Apollo). Apollo, apaixonado por Orfeu, deu-lhe uma pequena lira de ouro, que ele rapidamente dominou. Ensinado a cantar versos por sua mãe, Orfeu era tão habilidoso em fazer música que ele era chamado de “Mestre das Cordas” e “Pai das Canções”, capaz de tal música que até pedras e animais seriam obrigados a dançar.
——-
– Yu Narukami ( Shin Megami Tensei: Persona 4)
——-
– Arcana: The Fool
– Data de Nascimento: ??? 1994 | Idade: 16 (17)
– Personalidade: Ele é retratado através de suas opções de diálogo como tendo uma personalidade mais extrovertida. mas também o mostra como uma pessoa calma, neutra e decisiva.
– Persona Inicial:
Izanagi (イザナギ, Izanagi)
Izanagi é uma deidade de criação japonesa nascida das sete gerações divinas na mitologia japonesa. Ele também é referido em várias crônicas, como o Kojiki e Nihon Shiki como Izanagi-no-mikoto (伊 弉 諾 尊), o “homem-que-convida”. Ele e Izanami criaram muitas das ilhas e divindades do Japão. Quando Izanami morreu, Izanagi tentou recuperá-la do submundo, mas falhou. Ele erroneamente olha para ela enquanto ela está em estado de podridão e monstruoso no submundo, que a envergonha. Ela tenta matá-lo e também jura matar milhares de homens por dia. Izanagi afirma que ele se certificará de que mil e quinhentos nascerão todos os dias.
——-
– Akira Kurusu (Persona 5)
——-
– Arcana: The Fool
– Data de Nascimento: ??? | Idade: 16
– Personalidade: Ele é um protagonista silencioso, cuja personalidade se baseia nas ações e decisões do jogador. No entanto, ele parece ter traços mais estabelecidos do que qualquer um dos protagonistas anteriores. Suas opções de diálogo variam de um pouco indiferente a um insolente. O jogo permite uma série de respostas divertidas e audaciosas, como provocar seus amigos. Ele também insulta seus inimigos como o famoso Arsène Lupin, alem disso ele mostra ser Arrogante e confiante em suas ações alem de ter uma forte senso de justiça.
– Persona Inicial:
Arsene (アルセーヌ, Arusēnu)
Baseado no ladrão criado por Maurice Leblanc chamado Arsène Lupin, Ele era conhecido por atacar criminosos ou aqueles que eram muito piores do que ele, tornando-o um tipo anti-herói dentro de suas próprias histórias. Ele poderia ter sido parcialmente inspirado pelo anarquista francês Marius Jacob.
——-
• Arcana
Os Arcanos são as diferentes classes de cartões de tarô. Eles são um importante elemento temático da série Persona.
Os Arcanos são divididos em Arcanos Maiores (22 cartas exclusivas) e os Arcanos Menores (quatro fatos de 14 cartas cada, diferente das cartas tradicionais). Os Arcanos Menores aparecem em eventos raros na duologia Persona 2, apenas em shuffle em Persona 3 e não em Persona 4, com exceção de Persona 4 Golden.
https://js2.comicsverse.com/…/…/11/ody3sd19yFGHyvUq88v-o.jpg
– Pra quem tem interesse em saber os significados de cada arcana vou deixar um link pra vocês lerem (esta em inglês)
http://www.psychic-revelation.com/…/…/q_t/tarot/tarot_cards/
——
• Anime (Lista dos Animes da Serie Persona)
– Persona: Trinity Soul (Original, 26 Episódios)
– Persona 3 The Movie (4 Filmes de 1h40mim +/-)
– Persona 4 The Animation (25 Episódios)
– Persona 4 No One is Alone (Especial de 30mim)
– Persona 5 The Day Breakers (Especial de 24mim)
——-
• Opinião: Pelo tamanho do post deu pra perceber que curto bastante a franquia ;/ ; Bom conheci persona por ser uma série spin-off de Shin Megami Tensei (talvez eu recomende tbm se o animo de criar um post como esse novamente surgir) meu primeiro jogo da serie foi Persona 2 (meu favorito por sinal) no PSP, foi uma experiencia muito boa, o que me fez procurar os outros jogos da franquia, consegui jogar todos até agora, se fosse pra colocar em ordem seria P2>P1>P3>P5>P4, o P1 e P2 tem uma atmosfera mais “adulta” e misteriosa, da uma vibe de jogo de terror (principalemte o P1), talvez seja por isso que são os meus favoritos da serie, de P3 pra frente e serie meio me deu uma Infantilizada (não que seja algo ruim) e a introdução de algo que eu não curti que foram os Social Links, cada jogo tem sua própria historia, (então você pode jogar na ordem que achar conveniente) ha referencias de personagens dos jogos anteriores dos jogos, Ex: MC do P1 sendo mencionado em P2, e assim por diante, jogabilidade e bem fluida, apesar de demorar um pouco pra acostumar com os menus dos P1 e P2, mas foi algo que algo que melhorou, e evoluiu com o passar dos jogos, os Personas são muito fodas apesar de não ter uma variedade de jogo pra jogo (já que reciclam a maioria dos que foram usados nos outros jogos) a trilha sonora e muito boa, maioria composta por Shoji Meguro (o cara e foda sem mais), mas o diferencial de Persona, na minha opinião são os personagens, algo que eu sempre gostei de como foi feito em todos os jogos, me apeguei a alguns, odeio outros, alem de ter um montão de waifus.


Recomendação por: Erick Yano
Game: Umineko no Naku Koro ni

Formato: Visual Novel
Ano: 2007
Gêneros: Mistério, Drama, Terror, Romance
Desenvolvedora: 07th Expansion
Duração: Mais de 50 horas
Minha Nota: 10/10
VNDB: https://vndb.org/v24

Sinopse:
Umineko no Naku Koro ni acontece no ano de 1986 entre os dias 4 e 5 de outubro, em uma ilha chamada Rokkenjima (六軒島). O lider de uma rica familia, Kinzō Ushiromiya, que vive e é dono da ilha, esta prestes a morrer, e 11 membros de sua familia vão a ilha para discutir como a sua fortuna será destribuida quando ele morrer, Há também na ilha 5 de seus servos, e seu medico pessoal. Apos que a sua familia chega na ilha, um tufão prende-os na ilha e logo após, as pessoas começam a serem mortas de maneira misteriosa

Observações:
-O jogo sucede o jogo da mesma da mesma desenvolvedora chamado Higurashi no Naku Koro ni, no entanto não é necessario ter jogado ele antes, é bom pois em Umineko há algumas referencias a Higurashi (eu não joguei ainda, mas vou jogar depois de terminar Umineko)

-O jogo é composto por dois jogos diferentes, Umineko no Naku Koro ni e Umineko no Naku Koro ni Chiru, dos quais o primeiro contem os “episodios” 1 ao 4 e o segundo, 5 ao 8

-O jogo possui um remake para PS3 e PSP (eu nao sei se tem para PC mas deve ter , e eu estou jogando o original)

Comentarios:
(Tudo que eu vou falar aqui é a respeito no jogo original, o remake provavelmente tem um aspecto visual e sonoro melhor)

Em poucas palavras esse é a VN com a melhor historia que eu ja joguei, eu coloquei 10/10 como nota pq nao tem como dar mais, mas só o episodio 1 que é o “pior” dos 8 episodios na minha opinião, ja era 10/10.

Eu comecei jogando esse jogo sem saber nada a respeito, quando eu olhei aqueles graficos eu adimito que deu um desanimo em continuar, a parte sonora do jogo é basicamente composta de efeitos sonoros e BGM, ou seja, os personagens no jogo não possuem voz, isso aumentou o meu desanimo, e ainda o começo não acontece nada de interessante, é uma introdução dos personagens, mas isso dura pouco, depois que a familia começa a discutir sobre a herança(como dito na sinopse) a historia fica incrivelmente empolgante, e isso não acaba, quando eu terminei o episodio 1, a historia estava muito foda, talvez até dava para fazer um anime bom somente com esse primeiro episodio, e ainda tinha mais 8, onde cada um é sempre melhor que os anteriores, principalmente o final de cada episodio.
Quando eu tinha terminado o quarto episodio, eu pensei que o mais impressionante não era o jogo em si, mas sim que existe alguem capaz de criar uma historia tão boa

A respeito do desenho dos personagens, como eu tinha dito eles não são muito bonitos (sem ofensa) eles dão a impressão que são feitos pelo paint, mas estranhamente falando, no segundo jogo eu comecei a achar que eles eram muito bem feitos, isso porque eles conseguem expressar bem como o personagem esta se sentindo, especialmente a protagonista feminina, há momentos que eu imagino fazendo a mesma cara que alguem do jogo

Os efeitos sonoros e as BGMs é outra coisa que eu preciso elogiar, eles conseguem muito bem transmitir o “clima” do momento

Eu devo estar esquecendo de alguma coisa, mas eu ja falei o essencial, eu devo estar fazendo esse post a mais de 2 horas, pior que eu tenho 2 provas semestrais da faculdade amanhã(Hoje né) que eu não estudei nada ainda, mas eu tive que parar para fazer essa recomendação


Recomendação por: André Martins
Game: Yu-Gi-Oh! Legacy of the Duelist

Tipo: TCG
Plataforma: PC
Franquia: Yu-Gi-Oh!

Sobre o Jogo: (Texto retirado da Steam)
Entre no Simulador de Duelista para garantir seu lugar entre os melhores Duelistas de todos os tempos em Yu-Gi-Oh! Legacy of the Duelist! Jogadores de todo o mundo foram convidados para participar de um programa de elite que simula os melhores Duelos de toda a história de Yu-Gi-Oh! Reviva eventos reais da história de Yu-Gi-Oh!, desde a série original Yu-Gi-Oh! até Yu-Gi-Oh! ZEXAL, trazendo enredos, personagens e Decks em uma Campanha novinha em folha.
Com mais de 6.600 cards para jogar, incluindo os novos Monstros Pêndulo, Duelistas podem batalhar em centenas de partidas com mais de 90 personagens e até mesmo competir no novo Deck Selado Battle Pack e jogar Draft com outros Duelistas online.

Opinião:
As maiores vantagens desse jogo são a grande variedade de cartas presentes, a possibilidade de jogar online e um excelente modo campanha.
No modo campanha você segue os duelos das histórias das 5 primeiras temporadas do anime. É possível jogar tanto o duelo normal (pela perspectiva do vencedor) quanto o reverso (pela perspectiva do perdedor). Você pode também escolher entre usar o baralho da história ou jogar com algum que você montou.

Link para a compra na steam aqui

 


O objetivo é organizar e disponibilizar as melhores recomendações feitas no grupo, além de incentivar mais recomendações e dar a oportunidade dos membros fazerem parte da cultura dos Animes do Brasil e do ArtAnimes.com.

Participe do Grupo: Recomendação de Animes

, ,


}